<>

Home » Poesias Quinta-Feira, 24 de Maio de 2018







[ A ] [ B ] [ C ] [ D ] [ E ] [ F ] [ G ] [ H ] [ I ] [ J ] [ K ] [ L ] [ M ] [ N ] [ O ] [ P ] [ Q ] [ R ] [ S ] [ T ] [ U ] [ V ] [ W ] [ X ] [ Y ] [ Z ] [ 1 ... 9 ]


Natureza
por:

É dentre os compos que ele cresce,
é dentre as flores ela vive,
e o amor resplande...

Fora de desejos ou igualdade
nela exixte apenas a verdade...

Vive como criança, ás vezes só tem infância...

Gigante como ninguém
é verde, é vida, é Zem...

A flor que dela fala, e dela é quem parece,
com lágrimas de quem chora
enquanto o dia amanhece...

O entardecer dentre as núvens com espírito
de beleza, entre os bares de esquina, ou num copo
de cerveja...

Espairece entre os morcegos sem visão,
doe parece que vem do coração...

É vida é verde, é um segredo infinito,
só quem ama a mãe é que amadurece,
mas o verde nunca esquece...

O Respeito supremo deveria de ser
quem dos olhos pode ver a certeza,
de que ainda existe a NATUREZA...